top of page

Exposição Poiesis ii - lugares e abstrações

A exposição Poiesis II - lugares e abstrações esteve em exibição dos dias 03 a 29 de outubro na galeria A Hebraica e contou com obras elaboradas pelos participantes do Grupo Chaverim sob mentoria da artista plástica Lucia Py e colaboração de Luciana Mendonça. Para saber um pouco mais sobre como foi o processo criativo e também a exposição, entrevistamos os artistas, a mentora e também familiares que visitaram a exposição.


(Foto de participantes do Grupo Chaverim em frente aos quadros)


O Grupo Chaverim tem o prazer de apoiar e promover eventos culturais que enriquecem as vidas dos nossos participantes e celebram a diversidade. Para Solange Bursztyn, assistente social e Coordenadora do Relacionamento com Famílias do Grupo, a exposição é

”Da maior importância, acho que é algo que eleva a auto-estima deles, porque revela o talento que cada um tem e na verdade não é só o quadro que cada um fez, a arte que cada um vai expor, é o processo pelo qual cada um deles passou, de experimentação, de contato com a arte, com as cores, com as texturas. Eu acho que tudo isso é um processo, então mais importante do que o resultado final que é a obra, é esse processo e eu acho que para eles é maravilhoso, acho que é uma experiência que vai providenciar, prover, resultar em auto-estima, em valorização e em inserção no mundo das artes.”

(Foto vista de cima da galeria repleta de visitantes)


Poiesis II é um mergulho profundo na expressão artística contemporânea, apresentando uma variedade de obras que inspiram reflexão e conexão. Cada peça é uma narrativa única, uma expressão pessoal que transcende barreiras e ressoa com a alma de quem a contempla. A mentora e artista plástica Lucia Py nos explica que:

“Poiesis II é continuação de um programa, que tem a intenção de ser profissionalizante, estruturado em quatro etapas, 4 oficinas / 4 exposições, para acontecer em 4 anos, dentro do projeto Outubro Aberto, estabelecido pelo ProMOa. O exercício da Releitura é fundamental no aprendizado e desenvolvimento da observação. A oficina, a técnica, o gênero, assim como o tema "Encontro com a paisagem" já estava previamente decidido, foi a etapa 2.”


Nós, do Chaverim, estamos honrados em participar da exposição Poiesis II, pois acreditamos que a arte tem o poder de unir comunidades, inspirar diálogos significativos e promover a compreensão mútua. Ao destacar a importância da expressão artística, estamos contribuindo para a construção de um mundo mais inclusivo e inspirador. Quando perguntamos a Maria Telma Cohen, mãe do participante do Grupo Chaverim e artista, Daniel Cohen, sobre a exposição e o processo, ela nos respondeu:





(Foto do Daniel e da Lúcia conversando em frente aos quadros)


“Está maravilhosa, fui na inauguração, porque meu filho é um dos artistas, é claro que eu iria na inauguração. Eu desejava onde o Daniel poderia chegar, mas não imaginava. Olha, ninguém acredita como é o processo, é uma coisa linda, porque de uma tirinha, que eles fazem muitas vezes, dá uma coisa linda que a gente não consegue imaginar. Graças ao Chaverim, o Daniel ficou muito mais solto, fala mais e como artista ele está desenvolvendo sua arte maravilhosamente bem, está desenvolvendo muito. Ele já pintava muito, desde pequeno, muito, muito, muito, mas agora ele pinta com mais direção, é muito bom. É muito interesse, é bom para eles perceberem que eles são capazes de fazerem coisas lindas, é muito bom mesmo.”

(Foto de participantes, voluntários e coloraboradores do Grupo Chaverim)


Rosana Sinder Calichman, voluntária do grupo Chaverim, que iniciou o processo auxiliando a Lúcia nas oficinas, também foi ver a exposição e nos contou:

“Eu fui na inauguração e depois eu levei meus filhos e meu marido para verem. Eu achei a exposição incrível, achei o trabalho da Lúcia e dos chanichim (participantes) sensacional, gostei muito. Eu comecei ajudando a Lúcia nesse trabalho e daí eu tive que me afastar e quando eu vi pronto, tudo me surpreendeu, entre começar a pintar as fitas brancas e se transformar naqueles quadros, eu achei uma ideia incrível, realmente muito orgulho mesmo.”

(Foto de participantes do Grupo Chaverim em frente aos quadros)


A equipe técnica do Grupo Chaverim gostaria de expressar nossa gratidão à Lúcia Py que ofereceu mentoria aos artistas, à Luciana Mendonça, que auxiliou a Lúcia e os artistas durante o processo, à Galeria A Hebraica, que providenciou o espaço para a exposição, e a todos que tornaram possível essa experiência única. Mas ainda não acabou! Iniciamos agora o módulo 3, ainda sob mentoria da Lúcia que nos explicou que

“O novo módulo, Poiesis III, vai ser trabalhado com o conceito de "Pertencimento", serão coleções individuais de grandes cartazes com a proposta de ocupar a galeria Hebraica em Outubro de 2024 e também de tornar-se uma exposição itinerante.”

Para os participantes que se sentiram inspirados e se inscreveram para participar do módulo 3, Rosana deixa o seguinte recado:

“Sempre tenham coragem de fazer coisas novas que dá tudo certo, se inspirem em todas as obras, em tudo que conseguem enxergar na natureza, para vocês terem inspiração em tudo que tem de bonito no mundo.”

Veja abaixo o que alguns artistas e participantes do Grupo Chaverim falaram sobre a exposição, sobre o processo e sobre suas expectativas futuras:


“Achei maravilhoso a minha arte estar exposta, adorei. Adorei o processo criativo, a-do-rei mesmo! Eu nunca tinha feito isso antes, foi minha primeira vez. Quase chorei quando vi meu quadro na exposição, estou feliz até agora.” - Mara Rachel



(Foto de Mara em frente ao seu quadro)



“Eu achei a exposição bonita e legal, gostei muito do meu quadro e dos quadros dos meus amigos. A Lucia Py é uma pessoa legal, muito boa, eu gosto dela e vou continuar na oficina” - Halina (Chaja) Krybus


(Foto de Halina em frente ao seu quadro)



“Achei o processo criativo desse módulo muito produtivo e inspirador para os meus projetos mais para frente. A minha parte preferida foi fazer as faixas longas. Eu senti muito orgulho de mim mesmo de ter feito os quadros direitinho e com calma. Eu espero mais aprendizado de artes com a Lu nesse próximo módulo. A minha família e a vida inspiram meu artista interior” - Allan Zac


(Foto de Allan em frente ao seu quadro)


“Eu vi as canecas que são muito bonitas e aí eu quis participar também. Participei desse módulo e vou participar até concluir a fase final. Minha parte preferida foi ver como se transforma a tira em quadro. Eu gosto muito das oficinas porque através das atividades de artes, eu uso a criatividade para transformar os materiais e isto me deixa alegre, porque me vejo como artista.” - Artur Berl


(Foto de Artur em frente ao seu quadro)

23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page