top of page

dia de doar 2023

O Dia de Doar, também conhecido como Giving Tuesday, é um movimento global que incentiva a prática da doação e solidariedade. Ele acontece anualmente logo após o feriado de Ações de Graça, Black Friday e Cyber Monday. O objetivo é contrabalançar o consumismo dessas datas e estender a gratidão, destacando a importância de contribuir para causas sociais e organizações sem fins lucrativos.


(Foto de participantes do Grupo Chaverim e alunos de psicologia durante a oficina Eu e a Psi)


O Dia de Doar foi criado em 2012 nos Estados Unidos e se espalhou para diversos países ao redor do mundo, incluindo o Brasil, onde é conhecido como Dia de Doar. Durante esse dia, as pessoas são encorajadas a fazer doações para instituições de caridade, projetos sociais, e outras causas que considerem importantes.


A campanha visa mobilizar a sociedade, promovendo a cultura da doação e destacando o impacto positivo que a contribuição individual pode ter em questões sociais. As doações podem ser feitas de diversas formas, incluindo dinheiro, tempo como voluntário, doação de bens materiais, entre outras. O Dia de Doar é uma oportunidade para fortalecer o sentido de comunidade e solidariedade, lembrando as pessoas de que todos têm o poder de fazer a diferença na vida de outros.


(Foto de participantes e voluntárias do Grupo Chaverim, sentados ao redor de uma mesa durante a Oficina de Cultura e Música Judaica)


O Grupo Chaverim sempre participou das campanhas do Dia de Doar e esse ano não foi diferente. Desde 1995, o Grupo Chaverim tem promovido a inclusão social das pessoas com deficiência intelectual e psicossocial e de suas famílias. Tem sido um espaço para conviver, fortalecer vínculos, fazer amigos e encontrar seus pares. Sempre buscando possibilitar o rompimento da exclusão social para construir uma sociedade diversa, mais justa, humana e inclusiva.


Atendemos pessoas, a partir de 16 anos, com deficiência intelectual ou psicossocial e suas famílias. Nós oferecemos diversas oficinas durante a semana! Temos Cultura e Música Judaica, Dança Israeli, Movimento, Bem–Estar, Contação de História, Oficina Gourmet e Artes e mais. Também realizamos atividades socioculturais, esportivas e de lazer aos finais de semana também, assim podemos criar oportunidades para o desenvolvimento de habilidades e facilitar a expressão e comunicação dos nossos participantes.


(Foto de participantes do Grupo Chaverim com a voluntária Liliana Albalá de braços abertos na Oficina de Movimento)


Mais de 600 atendimentos são realizados ao ano às famílias e participantes através do Programa Relacionamento com Famílias! Isso além dos contatos com parentes, médicos, psicólogos, psiquiatras, ATs e organizações parceiras. Além disso são realizados ao redor de 4000 atendimentos por ano ano nas atividades socioculturais, esportivas e de lazer, e quase 2000 nas oficinas socioculturais.


Queremos que os nossos participantes sejam protagonistas de sua história de vida reconhecendo-se como seres pertencentes à sociedade. Porém, com o envelhecimento dos nossos participantes, e consequentemente de seus familiares, muitos não apresentam mais condições físicas nem financeiras satisfatórias para arcarem com o transporte para as atividades, permanecendo no isolamento e na distância do convívio com outros membros do grupo. Por isso, o projeto do Chaverim deste ano foi voltado a arrecadar recursos para trazer para as oficinas e atividades presenciais aqueles participantes que não conseguem vir. Debora Freund Deutsch, gestora do Grupo Chaverim explicou a escolha da campanha:




"Pensamos em um projeto que pudesse trazer aqueles chanichim (participantes) que não possuem mais autonomia para virem de transporte público ao Chaverim e tem acompanhado as atividades apenas online. A vivência presencial é parte importante da sociabilização e o poder de um abraço ao rever os amigos é sensacional."


(Foto de participantes do Grupo Chaverim fazendo sanduíches na Oficina Gourmet)


Nossa meta para o Dia de Doar era de 25 mil reais e durante 17 dias lançamos uma campanha nas nossas redes sociais para tentar arrecadar esse valor. Com essa quantia garantiríamos que 5 participantes que não conseguem vir, viessem 4 vezes por mês, por um ano nas atividades presenciais. O total arrecadado foi de R$10.292,86 e com esse valor conseguiremos trazê-los 4 vezes por mês durante aproximadamente 5 meses!


Queremos agradecer a todos que nos ajudaram, apoiaram e compartilharam a nossa campanha.  E principalmente a você que confiou no nosso trabalho e acreditou que podíamos fazer ainda mais. Através da sua doação, fortaleceremos as atividades oferecidas gratuitamente para a comunidade.


(Foto dos participantes Allan Zac Marcus e Anna Carolina Gomes colando guardanapo em caixas de madeira na Oficina Mão na Massa)


Gratidão por ser parte deste movimento!


19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page