Parceria do Grupo Chaverim com a Pinacoteca de São Paulo traz oficinas educativas aos participantes

Atualizado: 8 de nov. de 2021

Os encontros discutiram os temas "Naturezas-mortas" e "A escultura e seus desdobramentos", a partir de obras do acervo da Pinacoteca.



O Grupo Chaverim realizou uma parceria com a Pinacoteca de São Paulo com oficinas educativas sobre o universo da arte. Os encontros online desenvolveram atividades de apreciação e leitura de imagens com os participantes do Chaverim a partir de reproduções de obras de arte selecionadas do acervo da Pinacoteca de São Paulo.


A oficina do dia 4 de outubro trouxe uma atividade de análise de imagem com o tema "naturezas-mortas", mostrando a obra Bananas e metal, 1887, de Pedro Alexandrino. Depois, os participantes realizaram seus próprios desenhos e pinturas com releituras e interpretações das frutas vistas na obra.


Já no dia 18 de outubro, o tema foi "a escultura e seus desdobramentos" com a obra Cavalo, 1972, de Amílcar de Castro. Os participantes do Chaverim reproduziram a escultura a partir de papel e régua/tesoura.


Em depoimento, Daniel Kronemberg, monitor do Grupo Chaverim que conduziu a oficina em conjunto aos colaboradores da Pinacoteca, expressou a importância dos encontros para os participantes.

"A oficina com a Pinacoteca foi muito especial. Os chanichim (participantes) tiveram contato com a história e a origem do museu, e também 'botaram a mão na massa', fazendo obras bem autênticas e autorais. Muita diversão com muito aprendizado. O encontro do pessoal da Pinacoteca com nossos chanichim (participantes) foi bastante proveitoso e, mais uma vez, conseguimos exercer a inclusão e a sociabilização, e ainda ligado a um tema de suma importância: Arte e Cultura!"


Foi boa a Oficina da Pinacoteca com o Chaverim. Eu adorei me desafiar e fazer uma escultura de papel. Gostaria de visitar a Pinacoteca e ver de perto as obras que vi na oficina, diz Lais Taieb, participante do Chaverim.


O Grupo Chaverim espera, em breve, continuar as oficinas com visitas presenciais à Pinacoteca.


Keise Tiffany

Comunicação e Divulgação


29 visualizações0 comentário